quarta-feira, 29 de outubro de 2008

CONSELHO PARA UM TOLO CORAÇÃO (Crônica)



Malu Monte

Pra você que pensou que pessoas são feitas de pedra - O meu mais profundo pesar.

Pra você que usou e abusou do direito de consumo do próximo - Eu aviso que o próximo a partir de agora estará cada vez mais distante.

Pra você que fez da sua vida um livro com páginas vazias - Eu penso que talvez esteja na hora de acordar pra algo chamado sentimento.

Pra você que sempre viveu à margem de tudo - Eu espero que “desça do muro” e busque uma posição clara sobre os fatos.

Pra você que é insensível às dores alheias – Eu desejo que se baste o suficiente pra nunca vir a precisar do auxílio dos outros.

Pra você que está sempre caminhando por estradas tortuosas – Eu sugiro que busque um novo percurso, pois sempre haverá um caminho que nos levará ao mesmo fim.

Pra você que por não abrir mão de sua própria verdade despreza a verdade alheia – Eu lembro que “a mentira é uma verdade mal contruída”.

Pra você que vê a vida passar e sequer toma uma atitude - Eu desejo do fundo do meu coração que se levante e lute por algo que o faça crescer como ser humano.

Pra você que se vê acima de tudo e de todos ou que se recusa a descer do pedestal – Eu deixarei o sinal livre – no caso de se arrepender de tudo o que deixou de fazer – assim quem sabe possas desfrutar da minha amizade?...

domingo, 26 de outubro de 2008

ELEIÇÕES 2008


Mais uma vez o carioca provou que não sabe escolher seus dirigentes.
Meus pêsames a todos!

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

ABSTRATO (Crônica)


Malu Monte

Não veja poemas como promessas ou verdades.
O que são senão versos recheados de fantasias;
Mas que cobertos de bom senso,
Atuam como um verdadeiro convite à imaginação.
Mas eles não falam tudo o que de fato se passa
Muito do que dizem são só viagens, frustrações...
Nem pense que tudo ali revelado é real.
Saiba, poetas inventam, constroem sonhos;
E tudo surge assim de forma muito natural.
Você mesmo, leitor, já deve tê-lo visto dizer que se a lua está lá
é por causa de você.
Com certeza poetas são mágicos!
Eles fazem com que aos nossos olhos enxerguemos perfeito algo que desejamos de coração.
No entanto, não se iluda ao pensar que poetas são a forma da perfeição.
Eu, poeta, cheia de defeitos, não os mostra por nada!...
Pois se nem eu gosto deles, quem gostará?
Poetas são como "photoshop" disfarçam as tolas imperfeições
E quando você os imagina entra em estado de êxtase total
No entanto, quem se arriscaria à criticar uma poesia ou o poeta que a escreveu?
No máximo quem as lê se abstém de comentá-las.
Devo supor um certo respeito ao imaginário alheio?
Talvez por ter a noção exata de que ao escrevê-la o poeta sonhou!...
Ah!... Mas se sonhou, sonhos serão sempre permitidos!...
E por que não?!

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

"A MÚSICA QUE EMBALOU A MINHA VIDA"



Descobri através de um Blog amigo(WIRLEY CONTAIFER)um site em que se vê a música que fazia sucesso nas paradas da Bilboard no dia em que nascemos.
A canção KANSAS CITY - anos depois regravada pelos Beatles(por sinal a minha banda favorita)foi a música que embalou a minha vida.

Então fique à vontade para clicar na setinha e me conhecer um pouquinho mais.

PS>>>>>Para ouví-la dê pausa na música do perfil.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

CARA E COROA (Crônica)


Malu Monte

Quem foi que disse que pra se viver é preciso só ser feliz?
Você já se deu conta o que seriam dos masoquistas sem as suas doses de sofrimento?
E os heróis como chegariam a atingir esse status se não superassem uma grande dificuldade que o fizessem sofrer?
Já pensou que se não houvessem dramas não teríamos tido o privilégio de conhecer os belos textos de Shakespeare?
Casais não saberiam o que é o amor pois se ele é um misto sentimento de alegria e dor...
Talvez você não tenha atentado, mas que tédio seria o mundo se fosse tudo divino, lindo e maravilhoso como as letras de Caetano Veloso!
Eu prefiro pensar que o melhor é que a tristeza exista - mesmo que longe de mim - pois acabo de lembrar-me da sapiência de Lulu Santos ao dizer: "...Não existiria luz se não fosse a escuridão..."
Ah! Como eu iria curtir essa bela canção?
E os poetas? Você já se deu conta de como eles fariam pra buscar inspiração para poesias de sofrimento e beleza se não houvesse a tristeza?
Então isso só nos faz constatar um quê: Ambas caminham lado a lado e uma precisa da outra pra sobreviver.
Por isso, esteja atento meu caro leitor, à partir de hoje, repense suas tristezas e faça como diz aquele velho ditado popular: "Se a vida te der um limão faça com ele uma boa limonada."
Seja feliz!