quarta-feira, 20 de agosto de 2008

PESCADOR DE ILUSÕES


Malu Monte

Quem sois então, senão um eterno sonhador!?...
Tu que sempre ao estar diante de coisas inexplicáveis busca tirar sempre a pureza, ainda que, obscuras elas te tragam dor.
Vês por detrás de lentes límpidas, tão cristalinas que só enxergas beleza até nas coisas que à luz do outro pareça sem valor.
Tens a grandeza entranhada na alma como as abelhas ao tecerem suas colmeias.
És nobre!... Talvez quem sabe carregues sangue azul nas veias?
Oh! Infinito ser que veio aqui com grandes missões mesmo que distríbuidas em pequenas doses...
Cidadão do bem, jamais se abate diante de algo que a princípio pareça incorrigível.
O mal em ti não tem lugar a habitar.
Desfrutas da aura do amor de todos que o rodeiam pois eles sabem que em ti podem se sustentar.
Feito de fibra retirada de madeira de lei és a própria fortaleza em pessoa.
Diante de ti a maldade se esvai quando teu grito ecoa.
Sempre em busca do inapalpável, o inatingível
Tentas a todo custo transformar sonho em realidade
Quando queres sanar a dor daquele que clama por piedade.
Quem de ti precisa sabe que aí tem um "Ser luz" que acalenta corações.
A bem da verdade não passas de um poeta;
Ser humano da melhor qualidade;
Aquele a quem eu denomino: "Pescador de Ilusões".

2 comentários:

Valter Montani disse...

Malu,


Muito bonito seu texto que suas palavras sejam sementes e no coração das pessoas de bem brote a perspicácia para diferenciar o mal do bem e a coragem de lutar pelo amor e pela paz.

bjs de teu amigo e fã

Valter Poeta

Wirley disse...

Concordo em pontos e vírgulas com as palavras do Válter, aqui em cima. O texto mais uma vez destaca fragmentos de palavras reunidas em textos dotados de sentimentos ímpares, e com uma marca pessoal muito especial. Parabéns mais uma vez pelo texto lindo, e sobretudo pelas palavras tão bem escolhidas para o "Pescador de Ilusões"!!
Muitos beijos, lindaaa!! =}